O que realmente acontece quando engolimos chiclete?

O que realmente acontece quando engolimos chiclete?

1158
COMPARTILHAR

O que realmente acontece quando engolimos chiclete? Você com certeza já ouviu a seguinte frase: “Se você engolir chiclete, ele vai colar suas tripas”. Mas isso é verdade? O que a ciência têm a dizer sobre isso? Existem três componentes básicos na digestão: O primeiro inclui os processos mecânicos que são necessários para efetuar o processamento da comida, ou seja, a mastigação. O segundo centra-se nas enzimas ou proteínas em sua saliva e no estômago que ajudam a quebrar a esse alimento. E por último, mas não menos importante, são os ácidos, que dissolvem o que sobrou.

Tradicionalmente, quando você come, seus dentes e língua trabalham juntos e mastigam a comida em pedaços pequenos. Em seguida, seus movimentos musculares empurram o alimento até que seja esvaziado para o estômago e se agita com os sucos digestivos, como mostrado abaixo:

mastigando-sabenada.com.br

Enquanto isso está acontecendo, as enzimas na sua saliva, o suco gástrico, e os intestinos conduzem os processos químicos que permitem converter os alimentos em nutrientes para seu corpo usar. Em seguida, os ácidos no estômago começam a trabalhar, dissolvendo o que resta da comida em um mingau que seu corpo pode confortavelmente passar através dos seus intestinos.

Mas e o chiclete? Bem, ele não é projetado para ser facilmente digerido pelo seu corpo como um alimento regular. Isso porque ele contém uma base de borracha natural ou sintética, que é o que lhe dá a sua consistência pastosa. Você provavelmente já percebeu que a goma não é afetada pelo esmagamento dos seus dentes. Então, quando você engolir o chiclete, ele se move até seu estômago como um maço gigante.

Enquanto suas enzimas são capazes de quebrar os hidratos de carbono, óleos, álcoois como fariam com um alimento regular, a base de borracha é basicamente imune a essas enzimas. Lembre-se que a borracha é tão resistente que podemos usá-la em luvas de proteção. Como resultado, parte dessa borracha sobrevive a todas as tentativas de seu sistema digestivo em digeri-la.

Os chicletes são indigeríveis pelo nosso organismo. Normalmente, quando engolimos um chiclete de forma acidental, isso não irá acarretar maiores problemas e a coma depois de passar pelo nosso sistema digestivo será eliminada nas fezes.

Alguns casos extremos, principalmente envolvendo crianças que consumiam alguns chicletes por dias e engoliam todos, foi necessário intervenção cirúrgica para a retirada das gomas de mascar do interior do organismo.

Conclusão, engolir chicletes não é uma prática saudável e pode fazer muito mal.

Fonte(s): ScienceAlert

COMPARTILHAR
Formado em direito, Policial Militar, Amante de Tecnologia, Carros, Internet, Seriados, Filmes, etc. Idealizador deste site. Passa mais tempo no computador do que deveria.

 Comentários