Como Saber se você está desidratado

Como Saber se você está desidratado

769
COMPARTILHAR

Como Saber se você está desidratado. Como saber se você está com desidratação? Se você está preocupado se está ficando desidratado, mas você não sabe como identificar isso, este artigo é para você. A desidratação é mais comum do que se poderia pensar, por isso saber identificá-la e como trata-la é importante.

1. Conheça os sintomas da desidratação

  • Dor de cabeça
  • Irritabilidade
  • Fraqueza
  • Desejos por açúcar
  • Ânsias de sal
  • Tontura
  • Diarreia
  • Boca seca
  • Náusea
  • Vômitos
  • Falta de lágrimas
  • A falta de transpiração
  • Tonturas (mais frequentemente ocorre quando em pé)
  • Cãibras musculares
  • Diminuição da produção de urina
  • Palpitações cardíacas

2. Identifique se alguém está desidratado

  • Confira os sintomas.
  • Esteja alerta para as pessoas que apresentam mais de 5 desses sintomas, pode ser necessário ajudá-las.

3. Grupos de Risco

Se você perceber alguém desidratado, determinar se ele é idoso, uma criança ou adulto. Se eles são idosos ou uma criança (especialmente crianças menores de 1 ano), leve-o imediatamente a um posto médico, talvez seja necessário reposição através de soro. Você pode fazer isso com adultos também, mas os dois grupos acima (idosos e crianças) têm o maior risco de morrer por desidratação. Se for um adulto converse com ele e diga-lhe que estar desidratado é muito perigoso e ofereça ajuda. Pode ser necessário procurar assistência médica sem demora. Procure m médico ou leve-os a um serviço de urgência do hospital, ou chame uma ambulância.

4. Atendimento Médico / Risco de Morte

Sempre procurar atendimento médico urgente se houver suspeita de desidratação grave. Leve a pessoa para um hospital, sem demora, ou chame uma ambulância. A desidratação severa é grave. Este tratamento deve sempre ser dado e aprovado por profissionais, a menos que a pessoa não possa ser alcançada de imediato e a pessoa precise de tratamento imediato para evitar a morte.

5. Tratamento de Desidratação

Tratamento caseiro

É possível tratar a desidratação leve a moderada das seguintes maneiras:

  • Bebericando pequenas quantidades de água
  • Ingerir bebidas isotônicas
  • Chupar picolés feitos de sucos de frutas e bebidas isotônica
  • Chupar cubos de gelo
  • Bebendo por um canudo (funciona bem para alguém que passou por uma cirurgia de mandíbula ou ter feridas na boca).

Se a desidratação aconteceu por exposição ao calor excessivo, tente ajudar das seguintes formas:

  • Remova qualquer excesso de roupa e afrouxe as que não podem ser retiradas
  • Áreas com ar-condicionado são as melhores para ajudar a temperatura do corpo volta ao normal e quebrar o ciclo de exposição ao calor
  • Se o ar condicionado não está disponível, aumente o resfriamento por evaporação, colocando a pessoa na sombra. Coloque uma toalha molhada em torno da pessoa
  • Se possível, use um borrifador para pulverizar água morna em superfícies expostas da pele para ajudar com a perda de calor por evaporação
  • Evite expor a pele ao frio excessivo, como compressas de gelo ou água gelada. Isso pode fazer com que os vasos sanguíneos da pele se contraiam, reduzindo em vez de aumentar a perda de calor. A exposição ao frio excessivo também pode causar tremores, que irá aumentar a temperatura corporal – causando o efeito oposto.

Tratamento médico

O tratamento no departamento de emergência se concentra primeiro em restaurar o volume de sangue e fluidos corporais, determinando em seguida a causa da desidratação. Os médicos provavelmente irão:

  • Resfriar o corpo do paciente, se a causa for exposição excessiva ao calor
  • Fazer a reposição de líquidos via oral se não houver náusea e vômitos ou desidratação excessiva. Caso contrário, fazer a reposição intravenosa
  • Fazer exames de sangue e urina para determinas as causas da desidratação.

Se o paciente melhora, pode ser enviado para casa, de preferência sob os cuidados de amigos ou familiares que podem ajudar a monitorar sua condição. Se permanecer desidratado, confuso, febril, com sinais vitais anormais persistentes ou sinais de infecção, pode precisar ficar no hospital para tratamento adicional.

Medicamentos

Se a febre é uma causa de desidratação, o uso de antitérmicos pode ajudar. Isso pode ser administrado por via oral se não houver vômito ou como um supositório.

COMPARTILHAR
Formado em direito, Policial Militar, Amante de Tecnologia, Carros, Internet, Seriados, Filmes, etc. Idealizador deste site. Passa mais tempo no computador do que deveria.

 Comentários